Início > Boas Praticas > A Cidade que Poupa Água

A Cidade que Poupa Água

Zaragoza

Continente: 
Europa
País: 
Espanha
População (Ano): 
682.000 hab.
Ano População: 
2007
O projeto “Zaragoza, cidade que poupa água” visa resolver os problemas da escassez de água com uma abordagem mais barata, ambientalmente mais amigável e sem confrontos sociais: aumentar a eficiência na sua utilização.

Descrição

O projeto “Zaragoza, cidade que poupa água” visa resolver os problemas da escassez de água com uma abordagem mais barata, ambientalmente mais amigável e sem confrontos sociais: aumentar a eficiência na sua utilização, já que em em 1997, 60% dos habitantes da cidade desconheciam qualquer método de economia de água. Desta forma, a cidade pretendia também oferecer um modelo para os mais de 8.000 municípios espanhóis que gastam acima de 1.500 hm3 de água anualmente.

Em 1997, foi anunciado um desafio coletivo: poupar 1 bilhão de litros de água por ano.

Como motor para alcançar tal objetivo, utilizou-se dois principais motivadores para uma mudança de comportamento: conscientização e incentivos econômicos.

A primeira fase foi uma campanha de sensibilização sobre a importância da redução do consumo de água sob aspectos ambientais e financeiros, enviando principalmente folhetos informativos para casas e também informações mais detalhadas para empresas de arquitetura, construção civil, encanadores e distribuidores de produtos de construção, com o objetivo de implementar mudanças já na fase de planejamento, construção e manutenção de casas. A segunda parte foi o fomento do desenvolvimento e comercialização de soluções para a diminuição do consumo, desde pequenas peças para controlar o fluxo de água em torneiras ao planejamento de áreas públicas levando em conta a minimização do desperdício.           

Objetivos

• Promover uma nova cultura de uso da água com uma gestão racional deste recurso.

Mais tarde verificou-se a necessidade de reforçar esta atividade através de duas estratégias:

• Criar modelos de uso da água e sua gestão em parques, prédios públicos, casas e na indústria.

• Criar um consenso cívico para, atendendo as diretrizes da União Europeia, que os preços da água incentivem a eficiência, contribuindo para a disseminação e integração de práticas e tecnologias de poupança da mesma.                   

Cronograma

• 1997: Apresentação do projeto em Zaragoza

• 1998: Economia em um ano de 1,176 milhões de litros de água (uso doméstico)

• 1999: Conferência Internacional de Cidades de Eficiência Hídrica

• 2002: Lançamento de mil kits de poupança de água para uso doméstico

• 2003: 50 exemplos de uso eficiente em edifícios, indústria, parques e jardins   

Resultados

• Zaragoza tem a menor relação de consumo doméstico per capita da Espanha, não chegando a cem litros por dia

• Economia em um ano de mais de um bilhão de litros de água (5,6% do consumo nacional anual)

• Redução do desconhecimento sobre as medidas para poupar água. Anteriormente, metade da população desconhecia tais métodos. Após a aplicação do projeto, apena um quarto da população não conhecia essa medidas

• Participação de quase 60% das escolas no Programa de Educação Zaragoza

• Colaboração de 150 instituições: instituições públicas, ONGs, empresas, sindicatos, empresas, associações profissionais, associações de bairro, associações empresariais e da mídia

• Implementação de 50 exemplos de eficiência no uso da água em prédios públicos, parques, jardins e da indústria

• Edição de Guias de Campo de autodiagnóstico de consumo de água para hotéis, hospitais, escolas, escritórios e casas. Guia Prático de xero-jardinagem e distribuição de um Guia Prático de Tecnologias para Poupar Água em Casas e Serviços Públicos

• Oferta de mil kits de produtos de poupança de água para a casa

• Edição de seis mil exemplares do jornal da Água

• Envio de uma newsletter para mais de mil emails: informações do projeto e outras notícias relacionadas a gestão da água

• Criação de um portal Internet com informações sobre experiências similares, acesso à tecnologia de poupança, legislação e literatura reunidos na eficiência. Criação de um fórum de discussões

• Colaboração ativa dos técnicos municipais por meio do Comitê de Acompanhamento

• Inclusão de eficiência na gestão dos efeitos da base da política de águas na Comunidade Autônoma da Andaluzia                  

Instituições envolvidas

• Prefeitura de Zaragoza                   

Fontes

Zaragoza, ciudad ahorradora de agua

http://habitat.aq.upm.es/dubai/98/bp439.html

http://habitat.aq.upm.es/bpes/onu02/bp388.html

http://www.switchurbanwater.eu/outputs/pdfs/W3-1_CZAR_PAP_Partnerships_Water-saving.pdf    http://www.bestpractices.at/main.php?page=programme/environment/selected_examples/spain

34
última modificação: seg, 13/05/2013 - 11:21