Início > Boas Praticas > Centro de Saúde Itinerante atende população ribeirinha no Pará

Centro de Saúde Itinerante atende população ribeirinha no Pará

Santana de Parnaíba

Continente: 
América do Sul
País: 
Brasil
Estado - Província: 
SP
População (Ano): 
115.000 hab.
Equipe do projeto Esse Rio é Minha Vida em deslocamento pelo território de Abaetetuba
Projeto da Secretaria de Saúde de Abaetetuba, município do nordeste paraense, leva testes rápidos de HIV, Hepatite B, C e Sífilis a moradores das mais de 70 ilhas localizadas no território da cidade. A equipe de saúde oferece ainda aconselhamento e distribui material informativo sobre saúde sexual e reprodutiva aos ribeirinhos.

Descrição:

Do Tupi Guarani "terra abundante de homens fortes e ilustres", Abaetetuba se formou entre igarapés, com uma vasta rede hidrográfica, e 35 ramais e 72 ilhas dentre os limites do município. Da própria constituição geográfica da região surgem desafios para a gestão pública, que deve superar distancias e dificuldades de acesso para prestar os serviços fundamentais para a população. Mais da metade da população da cidade vive hoje nessas áreas de difícil acesso.

É nesse contexto que surge o projeto Esse Rio é Minha Rua, um CTA itinerante que tem como desafio levar atendimento multidisciplinar de saúde de forma equitativa  å totalidade da população do território. Os Centros de Testagem e Aconselhamento são serviços de saúde estratégicos para a realização de ações de diagnóstico e prevenção de doenças sexualmente transmissíveis localmente, com impacto direto no atendimento das populacionais mais vulneráveis.

Credenciados pelo Ministério da Saúde, são instrumentos estratégicos na detecção precoce e prevenção de DST`s, oferecendo serviços itinerantes para as populações com dificuldade de acesso. A implantação da metodologia rápida do CTA nos serviços do SUS requer não apenas a capacitação de um grande número de profissionais, como também a articulação política entre os órgãos gestores do Sistema.

É nessa integração de políticas que está o principal desafio do programa e seu maior impacto, a possibilidade de universalizar o atendimento. O Pará é hoje o quarto estado com maior número de casos de HIV no país, ficando atrás somente de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

O projeto Esse Rio é Minha Rua funciona como um CTA itinerante, um aprimoramento da diretriz nacional com um olhar sobre as especificidades da região. Mantem assim, o objetivo de facilitar o atendimento a uma população que tem no deslocamento uma de suas questões mais complexas.

Um mapeamento inicial do município permitiu localizar as regiões de ilhas e  outros locais de difícil acesso. As associações de moradores da ilhas, pastorais das congregações locais e líderes comunitários tiveram papel fundamental na montagem deste roteiro. O primeiro ano de atuação foi dedicado ao aconselhamento das comunidades, por meio de visitas e palestras públicas  com conteúdo de orientação familiar e sexual. Esse período inicial foi fundamental para aproximar as equipes da realidade da comunidade e localizar áreas de vulnerabilidade e necessidades específicas, permitindo potencializar a atuação do projeto.

Em um segundo momento percebeu-se a necessidade de atender essas comunidades com uma equipe múltipla, composta de medico, enfermeiro e farmacêutico, além de medicamentos e vacinas. Hoje as equipes realizam o atendimento individual e aplicam testes no próprio local, exames que são feitos com apenas uma gota de sangue. Posteriormente os pacientes recebem um segundo atendimento, com o mesmo profissional que realizou o atendimento inicial, quando são entregues os resultados dos exames e feitos os demais encaminhamentos necessários.

Essa abordagem permite um acompanhamento preventivo fundamental para as equipes de saúde, garantindo melhor qualidade no atendimento da população. O gestor público também se beneficia dessa agilidade, dispondo sobre dados mais precisos sobre seu território e população, permitindo economia de pessoal e recursos, além da construção de políticas mais eficazes.

O projeto se inclui no eixo Ação Local para a Saúde, estabelecido pelo PCS como ações de sustentabilidade que promovam uma vida mais saudável nos municípios brasileiros. Programas de saúde dependem diretamente de uma articulação institucional entre sociedade civil e gestão, visto que o setor possui natureza sistêmica e se inter-relaciona com outras áreas de atuação do Estado, como fornecimento de água limpa e saneamento básico, coleta de lixo, combate å mudanças climáticas, entre outras. 

A visão integral de atuação do Esse Rio é Minha Rua faz com que o projeto atenda ainda outros objetivos para o desenvolvimento sustentável, especialmente aquele descritos pela ONU nos ODS 3 - Saúde e bem estar, ODS 5 - Igualdade de gênero, ODS 11 - Cidades e comunidades sustentáveis e  ODS 16 - Paz, justiça e instituições eficazes. Assim como a educação e a segurança pública, os serviços de saúde requerem uma atuação transversal para gerar efeitos positivos e concretos na vida da população, sendo essa experiência exemplar nessa direção.

Objetivo:

- Levar, diagnostico, atendimento e tratamento médico para a totalidade das residências do município;

- Propagar informação e conhecimento sobre HIV/AIDS e outras DST’s, reduzindo sua incidência na região;

- Promover a qualidade de vida dos portadores de HIV/AIDS e reduzir o estigma e demais impactos sociais negativos, incentivando o respeito a diversidade sexual, racial e étnica, social,econômica e cultural, a cidadania e os direitos humanos;

Cronograma e Metodologia:

- 2002: Implantação do CTA em Abaetetuba, oferecendo teste anti-hiv, distribuição orientada de preservativo e encaminhamento de pacientes para a Unidade de Saúde do município;

- 2003: Começa o serviço itinerante do CTA;

- 2008: O CTA é contemplado com recursos do governo federal, ampliando sua atuação com a realização do teste anti-hiv com resultado em 10 minutos e acompanhamento de um infectologista;

- 2011 - Revisão do projeto amplia novamente a equipe multiprofissional, incluindo assistente de enfermagem, assistente social, psicólogo e possibilidade de encaminhamento para o odontólogo; 

- 2012: O CTA itinerante implanta o Programa de Hepatites Virais e inicia a realização de testes para Hepatite B, C e Sífilis;

2013: Aquisição de um automóvel exclusivo para o Programa, expandindo a capacidade de atuação dos profissionais;

- 2017: Programa é reconhecido como exemplo em saúde básica pela 14ª Mostra Brasil, aqui tem SUS;

Resultados:

- Presença maciça da população nas atividades do projeto e surgimento de novas demandas de atendimento na comunidade, escolas e outras instituições locais;

- Atendimento de mais de 2 mil pacientes por ano, desde o início do projeto/

- Redução no número de novas contaminações por DST`s

Instituições envolvidas:

Prefeitura de Abaetetuba

Secretaria Municipal de Saúde

Secretaria Municipal de Assistência Social

Contato:

Secretaria Municipal de Saúde

Endereço: Avenida Barão do Rio Branco, nº 1232, Centro

Telefone: (91) 99373-8367

Email: [email protected]

CTA Abaetetuba

Endereço: Av. 15 de Agosto s/nº - Centro

Telefone: (91)3751-2003

E-mail: [email protected]   

Fontes:

Publicação sobre o Projeto CTA

Plano Plurianual para o Quadrienio 2014-2017

Plano Plurianual para o Quadriênio 2018-2021

Plano de Metas 2017-2020 da Secretaria Municipal de Saúde

https://www.youtube.com/watch?v=X5g_msgyCvU

15
última modificação: ter, 30/07/2019 - 17:55