Início > Noticias > Estudo mostrará as desigualdades existentes em São Paulo

Estudo mostrará as desigualdades existentes em São Paulo

Nova versão do Mapa da Desigualdade da Cidade será lançada pela Rede Nossa São Paulo em evento público no dia 28/11. Participe!

No dia 28 de novembro, a Rede Nossa São Paulo divulgará a nova versão do Mapa da Desigualdade da Cidade em um evento público – aberto à participação de organizações e pessoas interessadas no tema. 

Os dados atualizados mostrarão a realidade de cada um dos 96 distritos da capital paulista, bem como evidenciará a diferença entre o melhor e o pior para cada um dos indicadores. Essa diferença é denominada como "desigualtômetro" no estudo.

O evento de lançamento do Mapa da Desigualdade da Cidade será das 10h00 às 12h30, no auditório da FESPSP - Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo, organização que apoia a iniciativa. 

Entre os destaques desta edição, encontra-se o comparativo de renda do emprego formal entre as diferentes regiões do município. Dados sobre educação, saúde, cultura, habitação e idade média ao morrer em cada um dos distritos da cidade também fazem parte dos 22 indicadores que serão apresentados. 

Desde 2012, a Rede Nossa São Paulo elabora e divulga anualmente o Mapa da Desigualdade da Cidade, um estudo que apresenta indicadores dos 96 distritos da capital paulista, compara os dados, e revela a distância socioeconômica entre os moradores das melhores e piores regiões. 

Trata-se de uma valorosa ferramenta para a gestão e o planejamento municipal, pois pode auxiliar os tomadores de decisão a identificar prioridades, carências e necessidades da população e seus distritos. 

Clique aqui para confirmar presença no evento.    

Serviço: 
Lançamento da nova versão do Mapa da Desigualdade da Cidade de São Paulo
Data: 28 de novembro de 2017 (quarta-feira)
Horário: das 10h00 às 12h30
Local: Auditório da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP)
Endereço: Rua General Jardim, 522 – Vila Buarque – São Paulo (Estação República do Metrô) 

*Sujeito à lotação do local

Iniciativa: Rede Nossa São Paulo
Apoio: Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP)